Esse blog é sobre a história da minha família, o meu objetivo é desvendar as origens dela através de um levantamento sistemático dos meus antepassados, locais onde nasceram e viveram e seus relacionamentos inter-familiares. Até agora sei que pertenço as seguintes famílias (nomes que por vezes são escritos de forma diferente): Ramos, Oliveira, Gordiano, Cedraz, Cunha, Carvalho, Araújo, Nunes, Almeida, Gonçalves, Senna, Sena, Sousa, Pinto, Silva, Carneiro, Ferreira, Santos, Lima, Correia, Mascarenhas, Pereira, Rodrigues, Calixto, Maya, Motta…


Alguns sobrenomes religiosos que foram usados por algumas das mulheres da minha família: Jesus, Espirito-Santo...


Caso alguém tenha alguma informação, fotos, documentos antigos relacionado a família é só entrar em contato comigo.


Além desse blog também montei uma árvore genealógica, mas essa só pode ser vista por pessoas que façam parte dela. Se você faz, e gostaria de ter acesso a ela, entre em contato comigo.

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Coronel Antônio Felix de Araújo e família

 

image

Porcina Rosa (nenê) e Antônio Felix de Araújo com os filhos.

Da esquerda pra direita em pé: Alice, Antonio (Toinho), Almira (Lulu), Alfeu, Amélia (Nelinha), Anisia (Zú), sentados estão Albertina (Lourinha) e Alberto (Beto).

Não tenho muitas informações sobre eles. Fui informada que Antônio Felix de Araújo foi casado três vezes e teve muitos filhos, não sei ao certo quantos.

Sei o nome de apenas duas das mulheres dele até o momento: Porcina Rosa de Araújo (não sei o sobrenome de solteira) e Maria Bernardina do Espirito Santo (casaram 17/07/1871). Ele teve vários filhos alguns dos quais estão na foto. Além desses encontrei registros de três filhos dele com Maria Bernardina: José (nascido 03/03/1878), Alfredo (nascido 15/03/1884) e Elvira (nascida 06/12/1890).

Um filho de Antônio Felix e Porcina Rosa que não está na foto é Otácilio de Araújo (Tilô). Ele nasceu em 15/04/1904 e faleceu 21/12/1990.

Almira nasceu em 15/09/1908 e faleceu 05/09/1982.

11 comentários:

  1. Boa noite Luana, parabéns pela sua iniciativa.Que bom que voce está fazendo este trabalho. Meu nome é José Carlos de Carvalho Silva, pertenço as familias Carvalho, oliveira, ferreira,alves,jesus,silva. Meu pai casou com Ezilda mascarenhas,filha de Antonio Mascarenhas e Albertina Araujo,mais conhecida como "lourinha".Tenho dois irmãos por parte de pai. Aubérico e Soraia,todos residentes em Coité.Por parte da Minha mãe, somos Oliveira,Ferreira e Carvalho. Antonio Ferreira de Oliveira era primo da minha mãe por parte de mãe.
    Da foto acima, conheci o Sr Tilô,que era casado com a dona Dina.A D.Zú era casada com o seu Braulio e eram meus vizinhos.A Dona Alice morava na casa vizinha a Dona Lourinha. O Sr Toinho era o pai de Almir,Everton e Vertinho.O Sr Almir foi casado com Dona Lenira.

    ResponderExcluir
  2. Olá José,

    Obrigada, já coloquei algumas das informaçõe que você me passou na minha árvore genealógica. Se tiver algo mais pra acrescentar não deixe de enviar.

    Luana

    ResponderExcluir
  3. Olá Luana se vc não sabe sou seu primo adorei vc postar fotos de minha familia.Minha vó Lenira minha tia zu e todos queria muito que vc me aceitasse no face preciso lhe passar algumas informações!!
    Abraço!Almir Araujo

    ResponderExcluir
  4. Olá Almir. Acho que encontrei vc no face e mandei a solicitação de amizade. Se não receber me procura.

    ResponderExcluir
  5. OI LUANA, MINHAS AVOS MATERNA SÃO IRMÃS POR PARTE DE PAI, AMBAS FILHAS DE PEDRO FELIX DE ARUJO COSTA, MINHA AVÓ ANTONIA FELIX DE ARAUJO COSTA FALECIDA E AURELINA CLARA DE OLIVEIRA ESTA NÃO FOI REGISTRADA ESTÁ COM 94 ANOS E BEM LUCIDA. POSSUO UMA CARTA PATENTE DO SEC. IX COM INFORMAÇÕES, VOU PESQUISAR E ENTRO EM CONTATO. MEU EMAIL: VAL.VERENA@HOTMAIL.COM.
    ABRÇOS VALDENILZE

    ResponderExcluir
  6. Olá, Luana!
    Gostei muito de teu trabalho. Estou estudando a leitura e escrita de mulheres de nossa região dos Sertões dos Tocós. Já consegui algumas escritas dessas mulheres. Fotografo-as e as devolvo. Tua família não teria algo dessa ordem? A propósito, onde você encontrou o livro " Família de Serrinha"?
    Meu e-mail é jadionealmeida@gmail.com
    Se puder, entre em contato.

    ResponderExcluir
  7. Olá, Luana,
    Há uma historiador de Tanquinho, trabalha na UEFS ( Cleber), que estuda a árvore dele também. Há parentes dele aqui. professora Nolay também pode saber algo. A árvore da família dela está comigo sob a forma de álbum de fotos.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Porcina Rosa de Araújo, antes de casar se chamava Porcina Rosa de Lima... sei que esta senhora era irmã de uma antiga avô minha que faleceu em 04/11/1899 dona da Fazenda Cavalo Morto. Essa avô também tinha o sobrenome de Rosa Lima... conforme escrituras de terras da época.

    ResponderExcluir
  10. Tem informações sobre os antigos donos da fazenda carro quebrado em Jacobina ? Acho que eram da família Gonçalves A dona se chamava Ernestina Rosa,falecida entre 1942 e 1943....

    ResponderExcluir
  11. Olá meu nome é Valmir Medeiros , minha vó por parte paterna se chamava Maria Felix de Araujo e ela era casada com meu avô Tomaz Severino Dantas. Não sei nada sobre minha vó, Procuro algo sobre a família dela.

    ResponderExcluir